quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

CHOCOLATE ou SEXO?

Foi realizada uma pesquisa onde o tema era:

O que é melhor:

CHOCOLATE ou SEXO?

Para o espanto dos entrevistadores a resposta foi:

CHOCOLATE!!!

Então foi realizada outra entrevista pedindo para que fossem enumerados os principais motivos.

Confira as Respostas:

1. O chocolate satisfaz mesmo quando amolece.

2. Você pode comer chocolate no carro sem ser interrompido pela polícia.

3. Você pode comer chocolate na frente da sua mãe.

4. Se você morder com força, o chocolate não grita e não reclama.

5. Duas pessoas do mesmo sexo podem comer chocolate juntas sem serem chamadas por nomes feios.

6. Chocolate não reclama que você o comeu muito rápido.

7. Você pode pedir chocolate à alguém sem levar um tapa na cara.

8. Chocolate não deixa pêlos na sua boca.

9. Você não precisa mentir para o chocolate.

10. O chocolate não liga se você é virgem ou não.

11. Você pode comer chocolate em qualquer dia da semana.

12. Um bom chocolate é fácil de se encontrar.

13. Você nunca é muito jovem, ou muito velho para comer chocolate.

14. Quando você come chocolate os vizinhos não ouvem.

15. O tamanho do chocolate não importa, apenas o prazer que ele proporciona.

16. O chocolate sempre cheira bem.

17. Não dói comer chocolate pela primeira vez.

18. Você pode levar o chocolate na bolsa.

19. Você pode comer chocolate à vontade, que nunca vai engravidar.

20. Chocolate não transmite AIDS.

21. Você não precisa usar camisinha pra comer chocolate.

22. Quando você não quer comer chocolate, você não precisa dizer que está com dor de cabeça.

23. Se o seu filho vir você comendo chocolate, não vai ficar fazendo perguntas constrangedoras.

24. Você pode comer chocolates de tipo diferentes e variados sabores, que eles não vão ficar com ciúmes.

25. Ninguém termina um casamento por falta de chocolate.

26. Você não precisa tirar a roupa em um dia extraordinariamente frio para comer chocolate.

27.Chocolate não reclama de pé gelado.

28. Você não precisa esperar quase uma hora pra comer outro chocolate.

29. Depois de comer, não precisa ficar abraçado com a embalagem.

Servido(a)?

terça-feira, 30 de dezembro de 2008

Melho q cheila carvalho




Fonte: Orkut de Bêbado

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

Humor negro

Havia uma epidemia na cidade e os doentes morriam como moscas naquele hospital. Havia doentes deitados sobre simples colchoes distribuidos pelos corredores e de manha um medico transtornado e cansado fazia uma verificaçao de rotina para separar os doentes daqueles ja falecidos durante a noite. Um enfermeiro que o acompanhava levantava o lençol, ele dava uma rapida olhada e dizia:
- Esta morto. Registre seu nome para o atestado de óbito.
E prosseguia ate o leito seguinte e sempre do alto da sua ‘ciência’ repetia a esta frase:
- Esta morto. Registre seu nome para o atestado de óbito.
Depois de atestar 10 óbitos o enfermeiro levantou mais um lençol e ele repetiu:
- Esta morto. Registre o. . . quando entao ouviu um fio de voz:
- Doutor, nao estou morto, nao. . .
Surpreso, cansado e nervoso, o médico explodiu:
- ESTA SIM, SENHOR. QUER SABER MELHOR DO QUE O MÉDICO É? REGISTRE...

Quantos?

Quantos................ são necessários para trocar uma lâmpada queimada?

1) portugueses: cinco, um para segurar a lâmpada e quatro para rodar a escada
2) cariocas: cinco, um para trocar lâmpada e quatro para tocar um pagodinho
3) turistas japoneses: cinco, um para trocar lâmpada e quatro para fotografar
4) crentes: tres, um para trocar lâmpada e outro para ajudar. O terceiro era o
pastor que estava cobrando uma contribuiçao para que deus ajudasse também.
5) militares: cinco, um general para mandar o coronel para mandar o capitao paramandar o sargento para mandar o soldado trocar lâmpada
6) pigmeus: cinco, para dar a altura necessária
7) advogados: cinco, um para trocar lâmpada e quatro para processar a companhia elétrica.
8) deputados: cinco, quatro para dar aumento de salário para os deputados um para roubar a lâmpada queimada

Alguma virgem no recinto?

O padre fustigava os fieis com o tema pecado. E foi se emocionando cada vez mais, até que finalmente gritou:
- Tem alguma virgem nesse recinto? Se houver, que fique em pé!
Fez entao uma pausa, e notou que, no fundo da igreja, uma jovem com um bebê no colo se levantou do banco.
- Filha, você entendeu bem a pergunta?
- Claro, padre. Mas o senhor nao ia querer que essa menininha de duas semanas parasse em pé sozinha, né?

sábado, 20 de dezembro de 2008

No hospício

O psiquiatra, ao cruzar o corredor do hospício, depara com dpois pacientes com as orelhas coladas na parede.
- O que está havendo? – pergunta ele
- Psiu!!! Escuta só!!!
Curioso , o médico encosta a orelha na parede e após alguns segundos, fala:
- Mas eu não estou ouvindo nada!
- Pois é , está assim desde que a gente chegou....

Bêbado precisando de ajuda

Na madrugada, o casal acorda ao som insistente da campainha da
casa.
O dono da casa levanta e pela janela pergunta:
- O que é que você quer?
- Olá, eu sei que é tarde - grita um homem - mas preciso que alguém me
empurre, e sua casa é a única nesta região. Você precisa me empurrar!
Louco da vida, o recém-acordado replica:
- Eu não te conheço, são 4 horas da manhã, e me pede para te ajudar?
Ah! Vá te catar!
E ele volta para a cama. Sua mulher, que também acordou, não gosta
da atitude do marido:
- Você exagerou. Você já ficou sem bateria antes, você bem que
poderia ajudar esse cara.
- Mas ele está bêbado - desculpa-se o marido.
- Mais um motivo para ajudá-lo - insiste a mulher - Ele não
vai conseguir sozinho. Você que sempre foi tão prestativo...
Tomado por remorsos, o marido se veste e vai para a rua. Procura
o bêbado dizendo:
- Hei, cara, vou lhe ajudar! Onde é que você está?
E o bêbado gritando:
- Aqui, no balanço do jardim!

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Advogado terminando um namoro

*Prezada Otaviana de Albuquerque Pereira Lima da Silva e Souza, face aos acontecimentos de nosso relacionamento, venho por meio desta, na qualidade de homem que sou, apesar de VSa. não me deixar demonstrar, uma vez que não me foi permitido devassar vossa lascívia, retratar-me formalmente, de todos os termos até então empregados à sua pessoa, o que faço com supedâneo no que segue:

A) DA INICIAL MÁ-FÉ DE VOSSA SENHORIA: *
1.1. CONSIDERANDO QUE nos conhecemos na balada e que nem precisei perguntar seu nome direito, para logo chegar te beijando;
1.2. CONSIDERANDO seu olhar de tarada enquanto dançava na pistaesperando eu me aproximar.
1.3. CONSIDERANDO QUE com os beijos nervosos que trocamos naquela noite, V.Sa. me induziu a crer que logo estaríamos explorando nossos corpos, em incessante e incansável atividade sexual. Passei então,a me encontrar com Vossa Senhoria.
B) DOS PREJUÍZOS EXPERIMENTADOS:
2.1 CONSIDERANDO QUE fomos ao cinema e fui eu que paguei as entradas, sem se falar no jantar após o filme.
2.2. CONSIDERANDO QUE já levei Vossa Senhoria em boates das mais badaladas e caras, sendo certo que fui eu, de igual sorte, quem bancou os gastos.
2.3. CONSIDERANDO QUE até à praia já fomos juntos, sem queVossa Senhoria gastasse um centavo sequer, eis que todos os gastoseram por mim experimentados, e que Vossa Senhoria não quis nem colocar biquíni alegando que estava ventando muito
C) DAS RAZÕES DE SER DO PRESENTE:
3.1. CONSIDERANDO AINDA QUE até a presente data, após o longínquo prazo de duas semanas, Vossa Senhoria não me deixou tocar, sequer a sua panturrilha.
3.2. CONSIDERANDO QUE Vossa Senhoria ainda não me deixa encostar a mão nem na sua cintura com a alegaçãozinha barata de que sente cócegas.
DECIDO SOBRE NOSSO RELACIONAMENTO O SEGUINTE:
4.1. Vá até a mulher de vida airada que também é sua progenitora, pois eu não sou mais um ser humano do sexo masculino que usa calças curtas e a atividade sexual não é para mim um lazer, mas sim uma necessidade premente.
4.2. Não me venha com colóquios flácidos para acalentar bovinos de que pensava que eu era diferente.
4.3. Saiba que vou te processar por me iludir aparentando ser mulher dos meus sonhos, e, na verdade, só me fez perder tempo, dinheiro e jogar elogios fora, além de me abalar emocionalmente..
Sinceramente, sem mais para o momento, fique com o meu cordial 'vá tomar no meio do olho do orifício rugoso localizado na região infero-lombar de sua anatomia', uma vez que esse relacionamento já inflou o volume da minha bolsa escrotal!
Dou assim por encerrado o nosso relacionamento, nada mais subsistindo entre nós, salvo o dever de indenização pelos prejuízos causados.

Antônio Palhão.

Jamais te esqueceremos

Duas amigas casadas, após sairem de uma festa
totalmente bêbadas, sentiram uma
vontade irresistível de fazer xixi. Apavoradas e
bêbadas, sem alternativa, pararam o carro e
decidiram ir assim mesmo dar uma mijada no cemitério.

A primeira foi, se aliviou, e então se lembrou de que
não tinha nada para se secar.
Pegou a calcinha, secou-se e jogou-a fora.
A segunda, que também não tinha nada para se secar,
pensou:

"Eu não vou jogar fora esta calcinha caríssima e
linda."
Então pegou a fita de uma coroa de flores, que estava
em cima de um túmulo, e se secou.

No dia seguinte um dos maridos ligou pro outro e
disse:
"- a minha mulher chegou ontem em casa bêbada e
sem calcinha...terminei o casamento".

O outro:

- Você tem sorte, a minha chegou em casa com uma faixa
presa na bunda com a inscrição:
"Jamais te esqueceremos - Vagner, Moisés, Ricardo e toda turma da
faculdade."

Enchi ela de porrada.

Fazendeiro esperto

O velho fazendeiro estava com sérios problemas financeiros e vendeu uma mula para outro fazendeiro por cem reais. O comprador concordou em receber a mula no dia seguinte. Porém, no dia seguinte ela morreu.
— Eu quero o meu dinheiro de volta! — disse o comprador, depois de receber a notícia.
— Não posso, já gastei tudo! — respondeu o dono do defunto.
— Tudo bem, então me traz a mula...
— E o que você vai fazer com uma mula morta?
— Vou rifá-la!
— O quê? Você não pode rifar um cadáver de mula!
— Claro que posso... Só não vou dizer pra ninguém que ela está morta...
Então ele entregou a mula para o amigo e voltou pra casa.
Um mês depois os dois homens se encontram e o fazendeiro que vendeu a mula pergunta:
— E ai, que fim levou a mula morta?
— Eu a rifei como tinha dito que faria. Eu vendi 500 números a dois reais cada e tive um lucro de 898 reais
— E ninguém reclamou?
— Só o cara que ganhou...
— E aí? O que você fez?
— Nada! Só devolvi os dois reais pra ele!

quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

No sanatório

No sanatório um corinthiano sádico, um são paulino masoquista, um
palmeirense assassino, um flamenguista necrófilo, um santista zoófilo e um
botafoguense piromaníaco estão sentados num banco de jardim dentro do
sanatório, sem saber como ocupar o tempo.

Diz o santista zoófilo:
- E aí, vamos transar com um gato?

Então diz o corinthiano sádico:
- Vamos transar com um gato e depois torturá-lo!

E diz o palmeirense assassino:
- Vamos transar com um gato, torturá-lo e depois matá-lo!

Diz o flamenguista necrófilo:
- Vamos transar com um gato, torturá-lo, matá-lo e depois transamos
com ele outra vez!

E diz o botafoguense piromaníaco:
- Vamos transar com um gato, torturá-lo, matá-lo, transar com ele
outra vez e atear-lhe fogo!

Segue-se um silêncio, todos olham para o são paulino masoquista e
perguntam:
- E aí?

E diz o são paulino:

- Miaau!

Mineiro no ônibus

Um mineiro todo tímido embarca no ônibus de Divinópolis para BH.
Seu colega de poltrona, um negão de 1,80m de altura,com cara de poucos amigos.
O negão no maior ronco e o mineiro todo enjoado com as curvas da estrada.
A certa altura o mineiro não agüenta e vomita todo o jantar no peito do negão.
O mineiro fica no maior desespero e o negão continuou roncando.
De repente o negão acorda, passa a mão no peito todo melecado.
Olha indignado e confuso para o mineiro.
O mineirinho nada bobo imediatamente bate a mão
no ombro do negão e pergunta:
- Cê miorô?

Quem tem tudo?

Aconteceu com uma professora que dava aula a seus alunos sobre as diferenças entre os ricos e os pobres.

Júlia levanta o dedo:

- Senhora, meu pai tem tudo: televisão, telescópio, DVD…

- Tudo bem, diz a professora, mas será que tem uma lancha? Júlia reflete e diz:

- Bem, não…A professora disse

- Estás vendo, é como eu disse, não podemos ter tudo.

- Professora, disse Artur, meu pai tem tudo: TV, telescópio, DVD, lancha…

- Sim, responde a professora, mas será que tem um avião particular? Depois de refletir, Artur responde:

- Bem, não.. - Está vendo que não se pode ter tudo na vida. Disse a professora.Joãozinho levanta o dedo e diz:

- Meu pai, senhora, agora tem tudo, pois sábado passado, quando minha irmã apresentou seu namorado corinthiano, papai disse:

- PUTA QUE PARIU!! ERA SÓ O QUE ME FALTAVA!!

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Mais uma do Garfi

Visitando o Humortalha, não resisti, e copiei mais esse post:

Para ver Madonna, fãs fazem plantão na porta do hotel.

Eles não querem apenas assistir ao show da popstar. Querem lembranças para provar que estiveram perto da rainha Madonna. Para isso, são incansáveis e estão de prontidão desde sexta-feira (12) na porta do hotel Copacabana Palace, na Zona Sul do Rio, onde a estrela está hospedada com os filhos.

A aventura é para garantir uma imagem da cantora. Com máquinas fotográficas, registram cada momento dos amigos e do movimento na porta do hotel. “Saímos de Santa Catarina na sexta e começamos a acompanhar tudo sobre a turnê. Hoje [sábado] cedo viemos para cá e vamos ficar aqui até ela sair. É um momento histórico para a gente”, conta a estudante Isabele Laurindo, 22 anos.

O ambulante Carlos Pereira , 40 anos, embora não conheça nada do repertório da cantora, está comemorando os lucros. “Já vendi 40 camisetas hoje, e amanhã, no show, vai ser um sucesso. Quero dobrar minhas vendas”, anima-se.



Descobertas exclusivas do Humortalha quanto a esse episódio:

1. Brasileiro gosta mesmo é de muitas filas do SUS. Quando não tem, eles inventam qualquer coisa para ficar horas e horas em pé, com fome, com sede, com vontade de ir ao banheiro, sem poder esvaziar a bexiga, pra depois sair reclamando. Não tem outra explicação. E isso tudo pra ver uma mulher de 50 anos, já pelancuda, feia pra caralho, que fica fazendo cu doce pra aparecer na janela do hotel. Se fosse pra ver a Caroline Miranda, aposto que a maioria da macharada que tá lá já teria ido embora sob a alegação de que ela já perdeu os selinhos (sim, os dois).

2. Pelo menos os camelôs estão vendendo camisetas “exclusivas” da Madonna e ganhando algum dinheiro;

3. O Lula tá devendo muito para os eleitores brasileiros. Ainda tem muito desempregado/desocupado nesse Brasil. É só ver a foto acima.

E por aqui vou encerrando a cobertura completa da visita da Maddona ao Brasil por um motivo muito simples: enchi o saco dessa frescura.

Atire a primeira pedra

O povo estava se preparando para apedrejar Maria Madalena, quando Jesus Cristo interveio e disse:

Irmãos, parem com isso. É bem verdade que essa mulher errou, mas já se arrependeu dos seus pecados. E quem nunca errou, que atire a primeira pedra.

Nisso, Maria Madalena recebe uma caprichada pedrada no meio da testa.

Então Jesus pergunta ao bêbado que atirou aquele petardo:

Irmão, você nunca errou na vida?

E o bêbado: dessa distância, não.

Fonte: http://humortalha.com/

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Novos ditados populares

Quem clica, seus males multiplica.

A pressa é inimiga da conexão.

Quando a esmola é demais, o santo desconfia que tem vírus anexado.

Quem envia o que quer, recebe o que não quer.

Quem com vírus infecta, com vírus será infectado.

Quem semeia e-mails colhe spams.

Quem não tem banda larga caça com modem.

Quem tem dedo vai a Roma.com.

Um é pouco, dois é bom, três é chat ou lista virtual.

Na internet, as melhores coisas são imorais, ilegais ou pedem número de cartão de crédito.

Quem cala consente, ou está teclando com alguém mais interessante.

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Entrando em forma

Acabei de completar 56 anos.

Minha mulher me presenteou com uma semana de treinamento físico em uma boa academia. Estou em excelente forma, mas achei boa idéia diminuir minha “barriguinha”.

Fiz reserva com a “personal trainner” Nádia, instrutora de Aeróbica e modelo de 26 anos. Foi-me recomendado levar um diário para documentar meu progresso, que vai transcrito a seguir.

Segunda-feira

Com muita dificuldade levantei-me às 6 da manhã. O esforço valeu a pena.

Nádia parecia uma deusa grega: ruiva, olhos azuis, grande sorriso, lábios carnudos e corpo escultural. Inicialmente, fizemos um tour pela academia para conhecer os aparelhos.

Comecei pela bicicleta. Ela me tomou o pulso, depois de 5 minutos, e se alarmou, pois estava muito acelerado. Não era a bicicleta, mas ela, vestida com uma malha de lycra coladinha. Desfrutei do exercício. Ela me motiva muito, apesar da dor na barriga, de tanto encolhê-la, toda vez que ela passa perto de mim.

Terça-feira

Tomei café e fui para a academia.

Nádia estava mais linda que nunca. Comecei a levantar uma barra de metal. Depois ela se atreveu a por pesos! Minhas pernas estavam debilitadas, mas consegui completar UM QUILÔMETRO. O sorriso arrebatador que Nádia deu me convenceu de que todo exercício valeu a pena… era uma nova vida para mim.

Quarta-feira

A única forma de conseguir escovar os dentes foi colocando a escova sobre a pia e movendo a cabeça para os lados.

Dirigir também não foi fácil: estender os braços para mudar as marchas era um esforço digno de Hércules, doía o peito e minhas panturrilhas ardiam toda vez que pisava na embreagem. Fisicamente impossibilitado, estacionei meu carro na vaga para deficientes físicos, até porque, saí mancando.

Nádia estava com a voz um pouco aguda a essa hora da manhã e quando gritava me incomodava muito. Meu corpo doeu inteiro quando ela me colocou uma cinta para fazer escalada.

Pra que merda alguém inventa um treco pra se escalar quando isso já está obsoleto com os elevadores? Nádia me disse que isso me ajudaria a ficar em forma e desfrutar a vida… ou alguma dessas merdas de promessas.

Quinta-feira

Nádia estava me esperando com seus odiosos dentes de vampiro escroto.

Cheguei meia-hora atrasado: foi o tempo que demorei pra colocar os sapatos. A desgraçada me colocou para trabalhar com os pesos.

Quando se distraiu, saí correndo e me escondi no banheiro. Mandou outro treinador me buscar e como castigo me pôs a trabalhar na máquina de remar… me fodi todo.

Sexta-feira

Odeio essa desgraçada.

Estúpida, magra, anêmica, chata e feminista sem cérebro!

Se houvesse uma parte do meu corpo que pudesse se mover sem uma dor angustiante, eu partiria no meio a vaca que pariu essa xexelenta.

Ela quis que eu trabalhasse meus tríceps… EU NEM SEI O QUE É ESSA PORRA DE TRÍCEPS, CARALHO!!!

E se não bastasse me colocar o peso para que o rompesse, me colocou aquelas merdas das barras… A bicicleta me fez desmaiar, e acordei na cama de uma nutricionista, uma idiota com cara de mal comida que me deu uma catequese de alimentação saudável, claro.

Sábado

A lazarenta me deixou uma mensagem no celular com sua vozinha de lésbica assumida, perguntando-me por que eu não fui.

Só com a vozinha me deu gana de quebrar o celular, porém não tinha certeza se teria força suficiente pra levantá-lo; até mesmo pra apertar os botões do controle remoto da tevê tava difícil…

Domingo

Pedi ao vizinho pra ir à missa agradecer a Deus por mim por essa semana que terminou.

Também rezei pra que o ano que vem, a infeliz da minha mulher me presenteie com algo um pouco mais divertido, como um tratamento dentário de canal, um cateterismo ou, até mesmo, um exame de próstata.”

Fonte: http://copiameufilho.com/

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Diário de uma nova motorista

Diário de uma mulher que acabou de tirar a carta (habilitação)

5 de Janeiro

* Passei no exame de direção! Posso agora dirigir o meu próprio automóvel,sem ter de ouvir as recomendações dos instrutores, sempre dizendo "por aí é sentido proibido!", " Vamos em contra-mão!","Olha a velhinha!Freia! Freia!", e outras coisas do gênero. Nem sei como agüentei estes últimos dois anos e meio...

8 de Janeiro

* A Auto-Escola fez-me uma festa de despedida. Os instrutores nem sequer deram aulas. Um deles disse que ia à missa, julgo que vi outro com lágrimas nos olhos e todos disseram que iam embebedar-se, para comemorar.
Achei simpática a despedida, mas penso que a minha carta não merecia tal exagero.

12 Janeiro

* Comprei carro, e infelizmente tive que deixa-lo na concessionária para substituir o pára-choques traseiro pois, quando tentei sair, engatei marcha-a-ré ao invés da primeira. Deve ser falta de prática. Há uma semana que não dirijo!

14 Janeiro

* Já tenho o carro. Fiquei tão feliz ao sair do "Stand", que resolvi dar um passeio. Parece que muitos outros tiveram a mesma idéia, pois fui seguida por inúmeros automóveis, todos buzinando como num casamento. Para não parecer antipática, entrei na brincadeira e reduzi a velocidade De 10 para 5 km por Hora. Os outros gostaram e buzinaram ainda mais.

22 Janeiro

* Os meus vizinhos são impecáveis. Colocaram posters avisando em grandes letras " ATENÇÃO ÀS MANOBRAS ", marcaram com tinta branca um lugar bem espaçoso para eu estacionar e proibiram os filhos de sair à rua enquanto durassem as manobras. Penso que é tudo para não me perturbarem.
Ainda há gente boa neste mundo...

31 de Janeiro

* Os outros motoristas estão sempre a buzinar e acenar-me. Acho isso simpático, embora um pouco perigoso. É que um deles apontou para o céu com o dedo espetado. Quando procurei ver o que me apontava, quase bati.
Ainda bem que eu ia à minha velocidade de cruzeiro de 10 km por hora.

10 de Fevereiro

* Os outros motoristas tem hábitos estranhos. Além de acenarem muito,estão sempre gritando. Não os ouço, por ter os vidros fechados, mas julgo que me querem dar informações. Digo isto porque julgo ter percebido um a dizer " Vai para Casa ". Acho isso espantoso. Não sei como ele adivinhou para onde eu ia. De qualquer modo, quando eu descobrir onde fica o botão que abre os vidros vou tirar muitas duvidas.

19 de Fevereiro

* A Cidade é muito mal iluminada. Fiz hoje meu primeiro passeio noturno e tive de andar sempre com o farol alto aceso, para ver convenientemente. Todos os motoristas com quem me cruzei pareciam concordar comigo, pois também ligaram os máximos e alguns chegaram mesmo a acender outros faróis que tinham. Só não percebi a razão das
buzinadas. Talvez para espantar algum cão ou gato. Sei Lá.

26 de Fevereiro

* Hoje tive um acidente. Entrei numa rotatória, e como havia muitos automóveis (não quero exagerar, mas deviam ser, no mínimo, uns Quatro),não consegui sair. Fui dando voltas bem juntinho ao centro,à espera de uma oportunidade, de tal forma que acabei por ficar tonta e fui chocar com o monumento ao centro da rotatória. Acho que deviam limitar a circulação nas rotatórias a um carro de cada vez.

3 de Março

* Estou em maré de azar. Fui buscar o carro na oficina e, logo à saída,troquei os pés, acelerando a fundo em vez de freiar. Abalroei um carro que ia passando, amassando-lhe todo o lado direito. O motorista era,por coincidência, o engenheiro que me fez o exame de direção. Um bom Homem, sem dúvida. Insisti em dizer-lhe que a culpa era minha,mas ele educadamente, não parava de repetir: " Que Deus me perdoe!
Que Deus me perdoe!".

Fonte: http://ultimoriso.blogspot.com/

domingo, 7 de dezembro de 2008

Sogrinha...

O sujeito está saindo do seu apartamento com uma mala e cruza com o vizinho, que pergunta:
— Onde você vai com essa mala, Alberto? Tá se mudando?
— Ah, a minha sogra tá me enchendo o saco! Pra você ter uma idéia hoje ela me xingou de vagabundo, inútil, preguiçoso, insensível, cretino, fracassado... Ah, cansei!
— Nossa, que velha folgada! Se eu fosse você, matava ela, cortava em quatro pedaços e jogava no rio!
— E o que você acha que eu tô levando dentro da mala?

sábado, 6 de dezembro de 2008

Como foi que eu nasci?

A garotinha de seis aninhos chega para o pai e pergunta:
— Papai, como foi que o Pedrinho nasceu?
Pego de surpresa, ele tenta resolver a situação da melhor maneira possível:
— Ele foi entregue por um lindo coelhinho branco...
— E o Luisinho?
— Ele foi encontrado dentro de uma linda flor no jardim...
— E eu?
— Você foi entregue por um pássaro enorme, com lindas penas azuis...
— Mas que droga! Já vi que ninguém trepa nesta casa!

Pintinho fumando maconha

No galinheiro, o galo resolve fumar um baseado e compartilhar com o pintinho:
— Você já fumou maconha?
— Não, nunca fumei.
— Então vou preparar um pequeno pra você.
— O galo fez um cigarrinho de maconha e o pintinho fumou.
— E aí, sentiu alguma coisa?
— Não sinto nada...
— Não é possível! Vou fazer um maior.
E fez um cigarro maior e o pintinho fumou.
— E então, sentiu alguma coisa?
— Não sinto nada...
— Não acredito, vou fazer um gigante.
E ele fez um cigarro gigante, e o pintinho fumou...
— E agora, sentiu alguma coisa?
— Não sinto nada.... Não sinto meu bico, não sinto minhas asas, não sinto meus pés, não sinto nada!
Conclusão: "A maconha tira a sensibilidade do pinto!"

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

A ajuda já tá chegando!




Fonte: http://blogzanzando.blogspot.com/

Um pouco de prazer

Joãozinho está dentro do carro de seu Pai, quando avista 2 prostitutas na calçada:
-Pai, quem são aquelas senhoras?
O Pai,meio embaraçado,responde:
-Não interessa filho,olha antes pra essa loja....Já viu os lindos brinquedos que tem?
-Sim,sim,já vi....Mas quem são aquelas senhoras e o que estão fazendo ali paradas?
-São...São...São senhoras que vendem na rua.
-Ah,sim,mas vendem o que?Pergunta o garoto admirado.
-Vendem...Vendem...Sei lá...Vendem um pouco de prazer.
O garoto começa a refletir sobre o que o Pai lhe disse,e,quando chega em casa,abre sua carteira com a intenção de ir comprar um pouco de prazer.
Estava com sorte!Podia comprar 50 Reais de prazer!No dia seguinte,vai ver uma prostituta e pergunta-lhe:
-Desculpe,minha senhora,mas pode me vender 50 Reais de prazer,por favor?A mulher fica admirada,e por momentos não sabe o que dizer,mas como a vida está difícil,ela aceita.Porém,como não dava pra dar pro garotinho,leva o garoto pra casa dela e prepara-lhe seis pequenas tortas de morango.
Já era tarde quando o garoto chega em casa.O Pai,preocupado com a demora do filho,pergunta-lhe onde ele tinha estado.O garoto olha para o Pai e diz:
-Fui ver aquelas senhoras que nós vimos ontem,para comprar um pouco de prazer!O Pai fica amarelo:
-E então...Como que foi?
-Bom,as quatro primeiras não tive dificuldades em comer,a quinta levei quase uma hora e a sexta foi com muito sacrifício,tive quase que empurrar pra dentro com o dedo,mas comi mesmo assim.Ao final,estava todo lambuzado e melequei todo o chão e a senhora me convidou pra voltar amanhã.Posso ir?
O Pai cai de costas!!!!!!!

A coisa mais pesada que existe

Na sala de aula, a professa pergunta:
- Qual a coisa mais pesada que existe?
- O elefante - responde a Aninha.
- A baleia - diz o Pedrinho.
- Um caminhão - diz o Paulino.
- É o p*nto do meu pai!
- O que é isso, Joãozinho? Quem foi que te disse essa asneira?
- Minha mãe, professora! À noite, eu sempre ouço ela dizer pro meu pai: "Esse negócio nem Deus levanta!"

quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

Passeio de Ferrari

O sujeito está sozinho em casa, assistindo futebol e tomando sorvete, quando de repente toca o telefone:
— Alô! O senhor é o marido da Helena?
— Sou eu mesmo! Por quê?
— Tenho uma notícia um tanto desagradável para lhe dar: ela estava no banco de passageiro de uma Ferrari conversível que capotou três vezes na Avenida Central!
— Meu Deus! — grita o marido, desesperado. — Ela morreu?
— Não... O motorista morreu... Mas a sua esposa foi jogada para fora da Ferrari, caiu em cima de um arbusto e acabou escapando ilesa!
— Ufa, que alívio! — desabafou o marido. — Então eu não tenho razão para me preocupar...
— Tem sim! — continuou o informante. — Você nem imagina o que ficou preso na boca dela!

Presente de aniversário

A esposa com o aniversário chegando joga uma indireta no marido:
- Amor, meu aniversário está chegando e quero um presente bem legal. Vou te dar uma pista: vai de zero a cem em menos de 5 segundos, pode ser de qualquer cor.
No dia do aniversário a mulher encontrou um pacote no quarto com uma balança de banheiro cor de rosa, novinha.

sábado, 29 de novembro de 2008

Entrevista de emprego

1º) Candidato formado na USP
Diretor: - Qual e a coisa mais rápida do mundo?
Candidato: - Ora, é um pensamento.
Diretor: - Por que?
Candidato:- Porque um pensamento ocorre quase instantaneamente.
Diretor: - Muito bem, excelente resposta.
2º) Candidato formado na PUC
Diretor: - Qual é a coisa mais rápida do mundo?
Candidato: - Um piscar de olhos.
Diretor: - Por que?
Candidato: - Porque e tão rápido que as vezes nem vemos.
Diretor: - ótimo
3º) Candidato formado na UNICAMP
Diretor: - Qual é a coisa mais rápida do mundo?
Candidato: - A eletricidade.
Diretor: - Por que?
Candidato: - Veja, ao ligarmos um interruptor, acendemos uma lâmpada a 5km de distância instantaneamente.
Diretor: - Excelente.
4º) Candidato fazendo curso no SENAI do Piaui­
Diretor: - Qual e a coisa mais rápida do mundo?
Candidato: - Uma diarréia.
Diretor: - Como assim ? Esta brincando ? Explique isso.
Candidato: - Isso mesmo. Outra noite eu tive uma diarréia tão forte, que antes que eu pudesse pensar, piscar os olhos ou acender a luz, já tinha me cagado todo.
Diretor: - O emprego é seu!
Moral da História: Fundamento técnico e cálculo não é tudo. Entender de cagadas é o que o mercado precisa!!!

Triste conclusão

Cheguei a seguinte conclusão --> os homens interessantes podem ser divididos em três grupos:
a) os comprometidos
b) os gays
c) os que não te dão moral


É, pois é...

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Urso Invade Lan House e Mata Quatro



Do Eu Podia Tá Matando

terça-feira, 25 de novembro de 2008

Na falta de coisa melhor...

O que um cromossomo falou para o outro?
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
Cromossomos felizes....

Diferença entre a cidade e a roça

Um caipira conversando com um cara da cidade:
- Na minha terra - dizia o caipira - mulher tem direito a três frases por dia
:a) Xô galinha!
b) Cala a boca, criança!
c) A comida tá na mesa!
- Na cidade também é assim - dizia o outro, só mudam as frases:
a) Bota o lixo lá fora!
b) Me dá o cheque!
c) Hoje não, estou com dor de cabeça!

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Tropa de Elite

Sei que o vídeo é velho, o filme tbm... mas qndo li a piada da tia Gi abaixo sobre polícia brasileira, lembrei na hora deste vídeo...



"Então cai na porrada, fdp... pensei" huhuauhauhauhahuahu

Hermano

Um argentino chegou na rodoviária em Curitiba e pediu uma informação:
- Oye! Onde tem um autocarro pra ir asta la a estacion pra apanhar um comboio para Paranaguá?
- Aqui não chamamos autocarro, chamamos ônibus.
- OK. Entonces como apanho o ônibus pra ir asta la estacion e apanhar o comboio?
- Aqui não chamamos estacion, chamamos ferroviária.
- Muy bien. Entonces como apanho o ônibus pra ir até à ferroviária e apanhar o comboio?
- Aqui não chamamos comboio, chamamos trem.
- Caramba! Entonces, my Hermano, como apanho o ônibus pra ir á ferrioviária para apanhar o trem???!!!
- Aqui não dizemos apanhar, mas sim pegar.
- Carajo, me dejas de bromas? Muy bien, como pego o ônibus pra ir à ferroviária pra pegar o trem??!!!
- Não precisa ir, é aqui mesmo…
- Joda! Hay que perguntar: Como é que ustedes chamam ‘filho da puta’ aca em Curitiba?
- Não chamamos. Eles vêm da Argentina sem ninguém chamar.

Entrando no céu

Quatro caras morreram e foram para o céu. Chegando lá, São Pedro informou que para entrar, deveriam cortar o bilau fora.
Revoltados, eles decidiram ir para o inferno mesmo. Mas o calor era forte, trabalho demais...
Eles resolveram voltar ao céu. Chegando lá, o primeiro foi:
- Aaaaaai, aaaaaaaai.
O segundo:
Aaai.
O terceiro:
(silêncio)
Na vez do quarto, ele perguntou porque os amigos deram gritos em ordem decrescente. São pedro explicou:
É que capamos por profissão. O primeiro era serralheiro: duas serrotadas. O segundo era lenhador: uma machadada só. O terceiro era médico, então sofreu uma operação com anestesia.
Ao ouvir a explicação, o cara começa a rir.
São Pedro pergunta:
- Por que rir dos seus amigos, se seu destino será o mesmo?
- Eu era sorveteiro... vai ter que chupar até acabar!

quinta-feira, 13 de novembro de 2008

O Teatro Mágico

Conhece O Teatro Mágico? Se não, vale a pena conhecer (clique aqui! clica mesmo, sô!). É uma mistura de música, poesia, arte circence, teatro. Um verdadeiro espetáculo.
E as letras são ótimas! Poesia de primeira!



PS: alguém me acompanha ao show, aqui em Uberlândia? Se pagar meu ingresso, fico mais feliz ainda!

A melhor polícia do mundo

Para acabar com discussões sobre qual é a melhor polícia do mundo foi realizada uma competição com o FBI, a Scotland Yard e uma seleção das PMs do Rio de Janeiro.
O teste era o seguinte: os organizadores soltariam um coelho na floresta e a polícia que achasse o bicho mais rapidamente ganhava.
O FBI foi o primeiro. Usando fotos de satélite, análise de DNA dos pêlos encontrados, helicópteros etc o coelho foi encontrado em 3 horas e 14 minutos.
Então foi a vez da Scotland Yard. Usando analistas de comportamento, psicólogos, estudiosos da espécie dos coelhos e cenouras com sonífero, eles capturaram o coelho em 1 hora e 30 minutos. O FBI ficou arrasado.
Então, finalmente, foi a vez da nossa PM. Com uma Veraneio 74, com o porta-malas amarrado por uma corda (o fecho da tampa caiu em 1982) 5 homens com o corpo pra fora do carro, batendo nas portas em alta velocidade, eles adentraram à floresta.Voltaram em 23 minutos, deixando todos muito impressionados. Então eles abriram o porta-malas do camburão (desamarrando a corda) e lá dentro estava um gambá, todo encolhido, cheio de hematomas, gritando:
– Eu sou um coelho! Eu sou um coelho! Eu juro que sou um coelho!

Batida de carro

Batida de carro - Oscar Filho (Stand-up Comedy)

terça-feira, 11 de novembro de 2008

MONOGLOTA POLINÍVEL

Um político que estava em plena campanha chegou a uma cidadezinha subiu em um caixote e começou seu discurso:

- Compatriotas, companheiros, amigos! Nos encontramos aqui convocados, reunidos ou ajuntados para debater, tratar ou discutir um tópico, tema ou assunto o qual é transcendente, importante ou de vida ou morte.
O tópico, tema ou assunto que hoje nos convoca, reúne ou ajunta, é minha postulação, aspiração ou candidatura à Prefeitura deste Município.
De repente, uma pessoa do público pergunta:

- Escuta aqui, porque o senhor utiliza sempre três palavras para dizer a mesma coisa?

- Ah, responde o candidato, pois veja, meu senhor:
*A primeira palavra é para pessoas com nível cultural muito alto como poetas, escritores,filósofos, etc.
*A segunda é para pessoas com um nível cultural médio como o senhor e a maioria dos que estão aqui.
*E a terceira palavra é para pessoas que têm um nível cultural muito baixo, pelo chão, digamos, como aquele bêbado ali jogado na esquina.

De imediato, o bêbado se levanta cambaleando e responde:

- Senhor postulante, aspirante ou candidato . (hic).
O fato, circunstância ou razão de que me encontre em um estado etílico, bêbado ou mamado (hic)
não implica, significa, ou quer dizer que meu nível cultural seja ínfimo, baixo ou ralé mesmo (hic).
E com todo o respeito, estima ou carinho que o senhor merece... (hic), pode ir agrupando, reunindo ou ajuntando ..(hic), seus pertences, coisas ou bagulhos ... (hic) e encaminhar-se, dirigir-se ou ir-se diretinho à sua genitora, mãe biológica ou puta que o pariu.

Fonte: Baixe Merda

O menor conto de fadas do mundo

Era uma vez uma linda moça que perguntou a um lindo garoto:
- Você quer casar comigo?
Ele respondeu:
- NÃO...!!!!
E a moça viveu feliz para sempre, foi viajar, fez compras, conheceu muitos outros garotos mais interessantes, visitou muitos lugares, foi morar na praia, comprou outro carro, mobiliou sua casa, sempre estava sorrindo e de bom humor, nunca lhe faltava nada. Saía com as amigas sempre que estava com vontade e ninguém mandava nela.
O garoto ficou barrigudo, careca, o p*nto caiu, a bunda murchou, ficou sozinho e pobre, pois não se constrói nada sem uma MULHER.
FIM.

segunda-feira, 10 de novembro de 2008

Luto

Uma senhora estava viúva há quatro anos e nunca mais fez contato com nenhum homem.

A filha, cansada de ver a mãe tão triste, insistiu muito e apresentou-a a um viúvo muito simpático. Os dois acabaram se dando muito bem...

Depois de seis semanas saindo quase todas as noites, eles resolveram ir à praia num fim de semana.

No hotel, ela tira a roupa e fica nua, com exceção de uma minúscula calcinha de renda preta, e diz ao namorado:

- Você pode fazer o que quiser comigo, mas aqui em baixo - apontando para a calcinha - ainda estou de luto.

Foi um balde de água fria no pobre homem.

Na noite seguinte, a mesma história. Ela despe-se e fica apenas com a calcinha de renda preta, de frente para o namorado que está peladão, com uma ereção daquelas, e o bilau coberto por uma camisinha preta!

Ela olha espantada e pergunta:

- Mas o que é isso? Uma camisinha preta?

Ele responde:

- Pois é, eu vim dar meus pêsames!

Fonte: Comédia

domingo, 9 de novembro de 2008

Velhinha tarada

Uma velhinha passa em frente à um posto de saúde e vê uma enorme fila para distribuição de camisinhas.

Curiosa, ela pergunta ao rapaz que está em último na fila:

- Mocinho, com licença. Pra quê que é essa enorme fila?

O cara, meio tímido não quis dizer a verdade para a vovozinha:

- Ah! Tão distribuindo manga.

E a velhinha toda feliz:
- Oba! Eu adoro manga!

O sujeito então saiu fora da fila e foi embora envergonhado.
Quando chega a vez dela de ser atendida o balconista do posto, surpreso, perguntou:

- Oh! Aí vovó, a senhora ainda trepa?

A velhinha com medo de subir no pé de manga, responde:

- Trepar eu não trepo não.
Mas se botar na minha mão eu chupo que é uma beleza…

Fonte: http://copiameufilho.com/

Gafes de jornais










terça-feira, 4 de novembro de 2008

Cadeira de blogueiro (não eu!)

Já sabe, né? Clique na imagem para ampliar.

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Assalto japonês

A polícia está dando a maior batida por conta de um assalto ocorrido no banco, quando param uma Kombi cheia de japoneses.

- Desce todo mundo! - ordena o policial. - Mãos na cabeça!
Eles obedecem em silêncio.

- Agora um por um, vai falando o nome - torna o policial.

E eles:
- Sartamo Obanko.
- Matamo Okasha.
- Kontiro Nosako.
- Katamo Osnique.
- Saimo Koreno.
- Fugimo Nakombi.
- Osguarda Pararo.
- Tomamo Noku.

Dois velhinhos conversando

Dois velhinhos conversam num asilo:
Macedo, eu tenho 83 anos e estou cheio de dores e problemas.
Você deve ter mais ou menos a minha idade. Como é que você se sente?
Como um recém-nascido.
Como um recém-nascido?!
É. Sem cabelo, sem dentes e acho que acabei de mijar nas calças.

Portuga esperto

O Português, querendo melhorar de vida foi passar uma temporada em Londres, deixando sua mulher em Portugal...
Dois meses depois a sua mulher manda uma carta dizendo que quer ter um filho do português,
Então o português mandou seu esperma pelo correio e sua mulher ficou gravida...
A situação se repetiu quatro vezes, o português ja tinha quatro filhos... Na quinta vez o portuga estava sem inspiração, e ao invés de mandar esperma, mandou água misturada com farinha.

Logo chegou a carta da sua mulher dizendo que estava grávida, e o português, eufórico, disse:

-C*ralho, inventei a p*rra!!!

Joãozinho

Essa é das antigas:

A professora pergunta a seus alunos :

- Se existem 5 passarinhos em um galho e você atira em um, quantos sobram?

- Nenhum! - responde Joãozinho, todos saem voando com o barulho do tiro.

A professora fica surpresa com a resposta :

- Não era essa a resposta que eu esperava, mas gosto do seu jeito de pensar.

- Eu posso fazer uma pergunta pra senhora? - pediu Joãozinho.

- Pode, Joãozinho.

- Existem 3 mulheres sentadas em um banco comendo picolés. Uma
está lambendo, outra está chupando e a terceira está mordendo. Qual delas é a casada?

A professora fica vermelha, mas responde, timidamente:

- A que está chupando.

- Não, a casada é a que tem aliança no dedo, mas eu gosto do seu jeito de pensar...

Loira esperta

Uma ruiva, uma loira e uma morena foram juntas ao banco.
De repente aparece um assaltante e diz:
- Passa a grana.
As tres nao queriam dar o dinheiro e sairam correndo.
A ruiva disse pra entrarem num beco e se esconderem em uns sacos que estavam jogados no chão.
Assim fizeram.
O ladrão seguiu as moças, e vendo os sacos, foi chutando cada um.
O primeiro era a ruiva. Ele chutou e a ruiva falou:
- Miau!
O ladrao falou:
- É um gato
Chutou o segundo saco, e a morena:
- Au, au, au, au.
- É um cachorro.
Quando chutou o terceiro, a loira, muito esperta, seguiu o exemplo das amigas:
- Batata, batata, batata!

Bicha na funerária

A bicha chega na funerária e pergunta:
- Tem caixão preto?
- Temos sim, senhor!
- Com argolinhas pretas?
- Sim, senhor!
- Todo forrado de preto?
- Sim...
- Credo! Que medo!

domingo, 2 de novembro de 2008

Vaca é a tua mãe

E a nossa anã hiperativa ataca novamente:

sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Então vamos matar...

Uma mulher chega apavorada no consultório de seu ginecologista e diz: - Doutor, o senhor terá que me ajudar num problema muito sério. Este meu bebê ainda não completou um ano e já estou grávida novamente. Não quero filhos em tão curto espaço de tempo, mas num espaço grande entre um e outro.

O médico então perguntou: - Muito bem. O que a senhora quer que eu faça?

A mulher respondeu: - Desejo interromper esta gravidez e conto com a sua ajuda.

O médico então pensou um pouco e depois de algum tempo em silêncio disse para a mulher: - Acho que tenho um método melhor para solucionar o problema, que aliás, é menos perigoso para a senhora.

A mulher sorriu, acreditando que o médico aceitaria seu pedido.

Ele então completou: - Veja bem minha senhora, para não ter que ficar com dois bebês de uma vez, em tão curto espaço de tempo, vamos matar este que está em seus braços. Assim, a senhora poderá descansar para ter o outro. Se vamos matar, não há diferença entre um e outro. Até porque sacrificar este que a senhora tem nos braços é mais fácil, pois a senhora não correrá nenhum risco!

A mulher apavorou-se e disse: Não doutor! Que horror! Matar um criança é um crime.

O médico sorriu e, depois de algumas considerações, viu que a sua lição surtira efeito. Convenceu a mãe que não há menor diferença entre matar a criança que nasceu e matar uma que ainda vai nascer.

O CRIME É EXATAMENTE O MESMO!

Se houvessem mais médicos assim, o mundo seria muito melhor.

Enviado por Admir Silveira.


*Copiado descaradamente do grande Pilândia

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Piadas de criança

Um dia, uma menina estava sentada observando sua mãe lavar os pratos na cozinha.
De repente, percebeu que sua mãe tinha vários cabelos brancos que sobressaíam entre a sua cabeleira escura.
Olhou para sua mãe e lhe perguntou:
‘Porque você tem tantos cabelos brancos, mamãe?’
A mãe respondeu:
‘Bom, cada vez que você faz algo de ruim e me faz chorar ou me faz triste, um de meus cabelos fica branco’.
A menina digeriu esta revelação por alguns instantes e logo disse:
‘Mãe, porque TODOS os cabelos de minha avó estão brancos?’

________________X________X________________

Todas as crianças haviam saído na fotografia e a professora estava tentando persuadi-los a comprar uma cópia da foto do grupo.
‘Imaginem que bonito será quando vocês forem grandes e todos digam ali está Catarina, é advogada, ou também ‘Este é o Miguel. Agora é médico’.
Ouviu-se uma vozinha vinda do fundo da sala:
‘E ali está a professora. Já morreu’

Fonte: http://copiameufilho.com/

terça-feira, 28 de outubro de 2008

Loira no mundo da lua

Duas mulheres (uma loira e uma morena) resolvem ir pra lua.
A loira pensa (!) e diz:
- Ao invés de irmos pra lua, a gente podia ir pro sol.
A morena fala:
- Mas a gente ia morrer queimada!
A loira, cheia de si, responde:
- Hellowwwwwwwww, a gente vai a noite!

Cuidado com os ovos

No onibus um rapaz foi sentar ao lado de uma senhora. Essa senhora tinha deixado um pacote embrulhado no banco onde o rapaz ia sentar. O rapaz ia sentar em cima quando a senhora fala:

- Meu filho! Meu filho! Cuidado com os ovos!!!

O cara fica assustado e percebe realmente que tem um embrulho onde ele vai sentar e fala pra senhora:

- Obrigado, minha senhora. Eu nem tinha visto. Nem imaginava que nesse pacote tinha ovos!

E ela responde:

- Não são ovos, meu filho. São pregos!

Deus e Jesus estão te olhando!

O ladrão está arrombando a janela de uma casa, quando ouve uma voz às suas costas:
- Deus e Jesus estão te olhando!
Apavorado, ele se volta em direção a voz e vê um papagaio em cima de um poleiro.
- Foi você que disse que Deus e Jesus estão me olhando? - pergunta ele, incrédulo.
- Sim! Fui eu mesmo! Meu nome é Clarence!
- Clarence? Isso não é nome de papagaio! Quem foi o imbecil que te deu esse nome?
- O mesmo que deu o nome de Deus e Jesus para os Rottweilers!

Diário de uma virgem

Quinta-feira
Querido diário, hoje eu e meu namorado estávamos no parque. Começamos a nos beijar e nos acariciar e, de repente, ele me fez uma proposta indecente.
Então, saí correndo e percebi que minhas pernas são minhas melhores amigas.
Sexta-feira
Querido diário, hoje eu e meu namorado estávamos no cinema. Começamos a nos beijar e nos acariciar e, de repente, ele me fez uma proposta indecente.
Então, saí correndo e percebi que minhas pernas são REALMENTE minhas melhores amigas.
Sábado
Querido diário, hoje eu e meu namorado estávamos no seu apartamento. Ele colocou um som, bebemos vinho, dançamos e começamos a nos beijar e nos acariciar e, de repente, ele me fez uma proposta indecente.
Então, percebi que ATÉ AS MELHORES AMIGAS UM DIA SE SEPARAM.
É a vida

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Coisas que eu vejo por ai!

Estava eu trabalhando...haha

Bom eu estava no orkut, conheçendo um aplicativo, que cita em imagens suas preferências, logo de cara me cai a pergunta!

Clique na Imagem para Ampliar


Né por nada não, mas tinha que ser justo a Preta Gil?
Centralizada, e em uma foto um pouco menor que as outras para dar um close!

Mudando de assunto, já ouviu falar em piada pronta????

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Cuidado!!!



segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Sexo envelhece

Aos 105 anos, a secretária aposentada Clara Meadmore se orgulha de ainda ter cabelo e de não precisar de dentadura.

Nascida em Glasgow, na Escócia, no início do século XX, ela acredita que o segredo da vida longa é nunca ter feito sexo. "Sexo envelhece", acredita."Tive várias amizades platônicas, mas nunca senti a vontade de ir mais longe, ou mesmo de casar", afirma Clara, que já viveu no Canadá e na Nova Zelândia, e há 40 anos mora na Cornualha, região sudoeste da Inglaterra. Para ela, o sexo sempre foi algo "complicado", que atrapalharia sua vida. "Eu sempre estava ocupada fazendo outras coisas, e nunca tive tempo de pensar em sexo", explica.

"Quando eu era criança, só era possível fazer sexo com seu marido. E eu nunca me casei. Cresci em uma era na qual as crianças - principalmente do sexo feminino - não eram vistas e nem ouvidas pela sociedade, por isso tive que aprender por mim mesma a me defender e me sustentar", diz a ex-secretária, em entrevista ao diário britânico 'Telegraph'. Além de nunca ter tido relações sexuais, Clara conta que nunca teve uma televisão, mas sempre foi "apaixonada" por ouvir rádio.

Comentário maldoso 1: olha a carinha de felicidade dela:


Comentário maldoso 2: qual é a vantagem de viver 105 anos desse jeito???

Fonte: http://g1.globo.com/

Chegada de Dercy Gonçalves ao Céu...

- Porra, tá frio aqui em cima.
- O céu não tem temperatura, minha senhora. - Pondera um porteiro celestial de plantão.
- Não tem é o cassete. Tá frio sim senhor - insiste Dercy.
- Prefere o inferno? Lá é mais quentinho!
- Manda tua mãe pra lá. Cadê o Pedro?
- Pedro só atende aos purificados.
- E eu tô suja por acaso? Tô cagada, esporreada?
- Você primeiro tem que passar pelo purgatório, ajustar umas continhas.
- Não devo nada a veado nenhum.
- Você foi muito sapeca lá em baixo.
- Como é que você sabe? Andava escondido debaixo das minhas saias?
- Dercy, daqui de cima a gente vê tudo.
- Vê porra nenhuma. Vê a pobreza, a violência, meninas de 4 anos sendo estupradas pelos pais, político metendo a mão no dinheiro dos pobres, carinha cheirando até cocô pra ficar doidão? O que vocês vêem? Só me viam?
- Você fala muito palavrão.
- Eu sempre disse que o palavrão estava na cabeça de quem escutava. Palavrão é a fome, a falta de moral destes caras que pensam que o mundo é deles. Esses goelas grandes e seus assessores laranjas, tangerinas e o cassete.
- Está vendo? Outro palavrão.
- Cassete é palavrão, seu porteiro do caralho? Palavrão é PQP!
(silêncio de alguns segundos)
- Seja bem-vinda, Dercy. Sou Pedro. Pode entrar.
- Caraaaaaalho, não é que eu morri mesmo! E o purgatório?
- Você já passou 101 anos por ele, lá em baixo... Venha descansar!!!!!!!!!!

Um país se faz de homens e livros

Texto copiado descaradamente do blog da jornalista Lorena Matuziro, com a devida autorização da mesma... :-)

Postei aqui, pq além de gostar, a tia Gi colocava uns textos sobre português e afins, né tia Gi???

Enfim, taí o texto, e estendo o convite ao blog da Lorena (que não é só mais rostinho bonito na redação do jornla), tem outros textos muito bons por lá...

Um país se faz de homens e livros


A Revista Veja desta semana trouxe um artigo da escritora Lya Luft sobre alfabetização no qual ela argumenta que o Brasil é um país de analfabetos. Ao longo do texto, a escritora mostra pontos positivos e negativos do País e o compara com a Europa. O Brasil é enaltecido em várias linhas do texto, mas ela lamenta o fato de grande parte da população ser analfabeta.

Creio que o pior não é o analfabetismo propriamente dito, constatado e divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), mas, sim, o analfabetismo funcional, aquele em que a pessoa sabe ler e escrever, porém não compreende ou interpreta uma só linha do que leu ou escreveu.

Como bem exemplificado por Lya Luft em seu artigo: “alfabetizado não é aquele que assina seu nome, mas quem assina um documento que leu e compreendeu”. É triste imaginar que milhares de brasileiros lutam por um direito em que acreditam, porém nem mesmo sabem que esse direito a que acreditam ter acesso nem sequer existe.

Para ilustrar melhor, é triste saber que, agora, em épocas de eleições, muitas pessoas votam em políticos que prometeram fazer “X” ou “Y”, sem saber, no entanto, que esse “X” ou “Y” prometido não é de competência do cargo ao qual tal político concorre.

Por que o Brasil é um país de analfabetos? Porque a qualidade da educação é ruim? Sim, essa é uma das respostas. No entanto, antes da má qualidade de educação, há outro fator, que, na minha opinião, é preponderante: neste país, não se formam leitores. Não há prazer pela leitura, ler não é uma necessidade colocada à frente de várias outras.

Enquanto não houver essa mudança na educação básica, enquanto o livro não for um material acessível a todos, enquanto as pessoas não despertarem o gosto pela leitura, o Brasil continuará a ser um país de analfabetos.

O visionário Monteiro Lobato já afirmou que “um país é feito de homens e livros”. É isso o que falta para que sejamos uma nação equiparada às grandes. Não são meros números (Ideb) que vão indicar o quanto crescemos, mas, sim, o quanto conseguimos fazer com que se desenvolva o censo crítico nos cidadãos.

sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Macho solteiro

Essa é pra quem costuma sair à noite, principalmente no meio da semana...

Acordo. Ou melhor, sou retirado de um turbilhão confuso de pensamentos
e lembranças que precisariam de mais umas quatro horas para que fossem
chamados de sono pelo blá blá blá longínquo de um locutor de rádio que
saía do rádio-relógio mal sintonizado.

Entre isto e acordar há um abismo de diferença. Sento na cama.
Imediatamente o quarto dá uma volta completa em torno do que restou do
meu fígado e eu lembro que estou de ressaca.

O giro do quarto somado à sensação de que estou vestindo uma meia de
algodão na língua estimulam o meu primeiro pensamento lúcido do dia, e
talvez um dos únicos: puta-que-pariu.

Depois de deitar e levantar umas 10 vezes, em uma dúvida cruel entre
pedir demissão para dormir mais um pouco e chegar até o chuveiro para
salvar o meu emprego, decido manter-me no mercado de trabalho e vou
cambaleando até o banheiro.

Faço uma parada no corredor e tomo 750 ml de água no bico da garrafa
térmica. Os 250 ml restantes escorrem pelos cantos da boca molhando a
minha camiseta fedendo fumaça.

Chego até o espelho do banheiro, vejo o meu reflexo com um misto de
pena e uma expressão do tipo depois-eu-converso-com-você-mocinho.
Dou aquela checada no pânceps -- aquele músculo logo abaixo do
abdômen, mas nem me dou o trabalho de encolhê-lo. Preguiçosamente
começo a escovar os dentes.

A secura da desidratação alcoólica molhada pela água há pouco ingerida
formaram uma gosma espessa de cuspe que em contato com a pasta de
dentes começa a produzir uma quantidade inominável de espuma na minha
boca.
Depois de quase engasgar, entro no chuveiro determinado a tomar um banho gelado.

Mas ainda não foi desta vez. Eu tenho alguns pensamentos recorrentes
quando estou de ressaca, como a obrigação auto-impingida de tomar um
banho frio, parar de fumar pelas próximas três semanas, e outras mais
comuns.

É claro que, como toda promessa de ressaca, no dia seguinte você está
fazendo tudo de novo.Mas uma coisa que eu nunca consegui foi tomar
banho gelado para curar bebedeira. Claro que não estou contando aquele
banho de roupa que sua mãe(tua avó, ou tia, ou namorada, ou irmão) te
deu quando você tomou o primeiro fogo.

Ah! O primeiro porre! Este passaporte de entrada para um universo que
começa em euforia, termina em arrependimento e tem uma complicada
contabilidade de horas de sono no meio.

Este universo com o qual você vai conviver durante toda a sua vida
adulta, só saindo dele através de um SIM proferido em uma igreja,
templo,
mesquita, ou qualquer que seja o foro apropriado da sua religião. E olhe lá!
Este universo que você só vai perceber quando for tarde demais,
consome todo aquele dinheiro do plano de previdência privada que você
nunca fez, apesar das constantes investidas da sua gerente do banco.

O universo do macho solteiro.

Quando volto a mim, ainda estou debaixo do chuveiro com os olhos fixos
em nada, divagando sobre estas e mais uma porção de outras bobagens.
Recomeço a função mecânica matinal, um tanto prejudicada por um
conflito inequívoco de hardware.

Ao lavar os olhos, só consigo deixá-los mais vermelhos, já que com tão
poucas horas de sono o corpo nem deu tempo de produzir remela
suficiente.

No meio do banho, eu olho para ele. Ele quem? Ele, oras. O seu
companheiro que neste momento está encolhido, ensopado, sujo e
mal-humorado (sim,ele tem humor!). E aí você começa a lembrar da noite
anterior.

E aí começam os seus problemas.

A coreografia de 'Ganso do Sargentelli' que você fez para as amigas da
sua prima. Aquela hora que você acreditou piamente que era o cara mais
bonito do lugar e ficou trocando olhares com todas as mulheres, você
de sedução,elas,de desprezo ou piedade.

Aquele beijo que você tentou arrancar a força da garota mais feia do
lugar, e não conseguiu.

E finalmente, aquele momento em que você se tornou milionário, pediu
uma garrafa de Taittinger para brincar de pódio de Fórmula 1 (cantando
tã tã tã!) e encerrou a noite deixando o restante do seu salário em um
prostíbulo de luxo, não sem antes tentar sexo gratuito com todas as
'amigas' da casa (afinal de contas você ainda era o cara mais tesudo
da cidade).

Daí para frente, só o que você vai sentir ao longo do dia são pequenas
dores, morais e físicas, causadas pela noite anterior.

A taquicardia provocada pela quantidade paquidérmica de energéticos
que você ingeriu, o telefonema da sua gerente do banco dizendo que só
aumenta o seu já estourado limite se você fizer o tal do plano de
previdência, uma vontade incrível de ir ao banheiro soltar aquele
barro que você segura porque não há bidet no escritório e você também
não quer interditar o toalete, e o maço de cigarros todo úmido e
amassado que você insiste em manter no bolso mesmo que jure para si
mesmo que vai parar de fumar até que, depois de fingir que trabalhava
o dia inteiro, chega o final do expediente, toca o telefone e você
ouve aquela voz familiar:

- Faaaaaala, seu mééééééérda! Onde é a cachaçada hoje???!?
Pronto. Começou tudo de novo.'

PS: fiquei com preguiça de editar os palavrões. Culpa do Gustavo, que me enviou assim.

quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Pacto


Do Dr. Pepper

terça-feira, 14 de outubro de 2008

TESTE INCRÍVEL

Veja que experiência legal.

NÃO PULE NENHUM NÚMERO... INCRÍVEL!!!

Com muita atenção e com muito cuidado faça a seguir:



NÃO PULE NENHUM NÚMERO. LEIA TODOS OS NÚMEROS...

DEVAGAR E POR ORDEM!!!!!!! !



TOME CUIDADO PARA NÃO FALHAR NENHUM!






..................................... 1



........................................... 2



..............................................................................................................3

................................................................................................4

...............................................................5

...................................................................................................................6

................................................................................................7

................................................8

..........................................................9




...........................................................................................................
10

................11

..........................................................................................................12

................................................................................13



.........................................................14

...........................................15

...................16

.................................................................................................................1 7

.....................................................................................................18

....19

...................................20



............................................21



...............................................................................22

.....................................................................23



...............................................................................................................24



25



.....................................26



......................................................27



......................................... 28



.................................................................................29

................................................... 30



PRONTO... AGORA VOCÊS JÁ SABEM CONTAR ATÉ TRINTA,

AMANHÃ POSTO O ABC...


NEM ADIANTA FICAR BRAVINHO NÃO


KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Seus problemas são meus problemas

Marido chega preocupado em casa e diz à esposa:
- Tenho um problema no serviço.
Esposa:
- Não diga tenho um problema, diga temos um problema, porque os teus problemas são meus também.
Marido:- Tá bem, temos um problema no serviço. A nossa secretária vai ter um filho nosso.

Marido Rico

Abs. Marido Rico
(publicado em um fórum de site financeiro)

Uma garota escreveu pedindo dicas sobre como arrumar marido rico.
Só isso já é insólito, mas o melhor da história é que um cara, possivelmente um economista ou investidor, deu a ela uma resposta bem fundamentada. Leia:


Ela:
Sou uma garota linda (maravilhosamente linda) de 25 anos.
Sou bem articulada e tenho classe.
Estou querendo me casar com alguém que ganhe no mínimo meio milhão de dólares por ano.
Tem algum homem que ganhe 500 mil ou mais neste site?
Ou esposas de gente que ganhe isso?
Vocês poderiam me mandar algumas dicas?
Namorei um homem de negócios que ganha por volta de 200 a 250 mil, mas não consigo passar disso e 250 mil não vão me fazer morar no Central Park West.
Conheço uma mulher da minha aula de ioga que casou com um banqueiro e vive em Tribeca, e ela não é tão bonita quanto eu, nem é inteligente.
Então,o que ela fez de certo que eu não fiz?
Como eu chego ao nível dela?

Rafaela S...

Ele:
Li seu anúncio com grande interesse, pensei cuidadosamente sobre seu dilema e fiz uma análise da situação.
Primeiramente, não estou gastando seu tempo, pois me qualifico como um homem que atende seu orçamento; ou seja, eu ganho mais de 500 mil por ano.
Isto posto, considero os fatos da seguinte forma: sua oferta, quando vista da perspectiva de um homem como eu, é simplesmente um péssimo negócio.
Eis o porquê: deixando as firulas de lado, o que você sugere é uma negociação simples.
Você entra com sua beleza física e eu entro com o dinheiro.
Ótimo, fácil.
Mas tem um problema.
Sua aparência vai se acabar e meu dinheiro vai continuar existindo, perpetuamente.
De fato, é bem possível que meus rendimentos aumentem, mas é certeza absoluta o fato que você não vai ficar nem um pouco mais bonita!
Assim, em termos econômicos, você é um ativo sofrendo depreciação e eu sou um ativo rendendo dividendos. Você não somente sofre depreciação como esta depreciação é progressiva, sempre aumenta! Explicando, você tem 25 anos hoje e deve continuar gostosa pelos próximos 5/10 anos (se bem cuidada), mas sempre um pouco menos a cada ano.
O fim de sua aparência começa cedo e em alguns anos você já estará acabada!
Além do que a beleza precisa ser up-to-date, ela é em função de modismos sociais desejados em determinadas épocas.
Hoje peitões estão na moda; amanhã talvez só fazendeiros com laticínios os apreciem.
Então, usando o linguajar de Wall Street, nós a chamaríamos de trading position (posição para comercializar) , e não de buy and hold (compre
e retenha), que é o que você deseja... daí o problema casamento.
Não faz sentido, do ponto de vista dos negócios, comprar você (que é o que você quer), portanto prefiro alugá-la, com taxas decrescentes conforme a depreciação do produto.
Se você estiver pensando que estou sendo cruel, eu tenho a dizer o seguinte: se meu dinheiro pode se acabar, você certamente também vai.
Para evitar isto eu tenho stops, minhas travas de segurança.
Então, quando sua beleza se esvair eu tenho que ter uma opção de saída. É simples assim.
Um negócio razoável e honesto, portanto, é um namoro, e não casamento.
Paralelamente a isso, bem no início da minha carreira me ensinaram sobre mercados eficientes: não existem barbadas.
Se algo é tão bom e não é percebido pelo mercado, é mais provável que o produto não seja tão bom assim do que a alternativa que o mercado seja idiota.
Assim, eu me pergunto como uma garota articulada, com classe e maravilhosamente linda como você, ainda não achou seu tio Sukita.
Acho difícil acreditar que você é tão bonita quanto diz e os 500 mil dólares ainda não te encontraram, nem que fosse para um test-drive.
Outras vezes o produto não encontra comprador por questões de preço ou distribuição: pode estar inflacionado ou escondido.
Para isto existem os leilões.
Todos analisam/experimentam a mercadoria e o preço baixa até a melhor oferta.
Ou continua encalhado.
Por outro lado, sempre há um jeito de você descobrir como ganhar dinheiro por conta própria, para que não precisemos ter essas conversas difíceis. Com tudo isso dito, devo dizer que você está tentando uma alternativa muito lógica.
É a clássica capitalização via golpe do baú.
Por outro lado se você quiser capitalizar via leasing do produto, mergulhe fundo na sua vocação e encontre vários investidores simultâneos. É mais rentável (e mais honesto) ganhar presentes de dez homens ao mesmo tempo, pois assim eles vão ter muito claro quem você é, diminuindo o risco de expectativas ou desdobramentos futuros (obviamente fazendo o hedge de usar duas camisinhas).
Espero que tenha sido útil e, se quiser negociar um contrato de aluguel, fale comigo.
Se por outro lado você for tão esperta (ou ingênua), pode provocar amor à primeira vista e uma proposta imediata de casamento do meu motorista, que ganha 30 mil dólares por ano, mas desfila pela cidade dirigindo meu Bentley de 300 mil dólares.
Pessoas que ganham na faixa que você procura ou são perspicazes gestores de riscos que não cairiam mais em golpes simplistas, ou herdeiros idiotas que já tem casamento arranjado pela família, dentro de um grande rebanho de pretendentes disponíveis, com garantia de pedigree.

Meus votos de sucesso.

domingo, 12 de outubro de 2008

Faça você mesmo

Dr Pepper pergunta



E vc decide








www.DrPepper.com.br

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Fotos-desenhos ou desenhos-fotos????

Vi no Bobagento umas imagens feitas pelo Mataleone (blog com dicas e tutorias pra brincar no photoshop), que faz um trabalho muito legal em fazer caricaturas vivas... Aqui é o link direto para as tais caricatuas...

Peguei algumas que achei interessante pra mostrar um pouco do trabalho do cara...

E em homenagem a um dos melhores desenhos de todos os tempos....



Clique na imagem para ampliar, só se quiser, se não quiser tbm não precisa clicar tá bom? :-)

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Meio Perdido Ou Perdido no Meio???

Tirinha



Do Blog Cyanide and Happiness

Esse é dos bons...



E como a grana tá curta eu vo continua fazendo minhas macumba com knorr...

hahaha

Do Blog Os Piores Alunos do Mundo

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Casal perfeito

Era uma vez um homem perfeito que conheceu uma mulher perfeita. Namoraram e um dia se casaram. Formavam um casal perfeito.
Numa noite de Natal, ia o casal perfeito, por uma estrada deserta, quando viram alguém no acostamento pedindo ajuda. Como eram pessoas perfeitas, pararam para ajudar. Essa pessoa era nada mais nada menos do que Papai Noel, cujo trenó havia enguiçado.
Não querendo deixar milhões de crianças decepcionadas, o casal perfeito se ofereceu para ajudá-lo a distribuir os presentes. O bom velhinho entrou no carro e lá foram eles. Infelizmente o carro se envolveu em um acidente e somente um dos três ocupantes sobreviveu.
Perguntas: Quem foi o sobrevivente do trágico acidente?A mulher perfeita, o homem perfeito ou o Papai Noel? (leia mais abaixo)
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
Resposta: A mulher perfeita sobreviveu. Na verdade, ela era a única personagem real dessa história. Todo mundo sabe que Papai Noel e homem perfeito não existem. Se você é mulher, pode fechar a mensagem, a piada acaba aqui. (Homens podem continuar lendo abaixo)
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
Agora, se Papai Noel não existe, nem homem perfeito, fica claro que quem dirigia era a mulher - o que explica o acidente... Se você é mulher e leu até aqui, fica provada mais uma teoria: mulheres são curiosas, metem o bedelho onde não são chamadas e são incapazes de seguir instruções. Tá rindo, né...

Novamente o Manoel

As 3 horas da manha o despertador toca e Maria acorda com o barulho, vira pro lado e acorda o Manoel meio que assustada dizendo:
- ACORDA! ACORDA, MANOEL, ESTÁIS NA HORA DE TOMAR O REMEDIO PARA DORMIR, SEU GAJO!!...

No hospício

De dentro de um hospicio se ouvia: "Sete! Sete! Sete! ... Sete! Sete! Sete! ... Sete! Sete! Sete! ..."Um cidadão que passava ao lado daquele muro alto ao ouvir aquela gritaria muito curioso ficou. Ele avistou um banco ao lado do muro e imediatamente subiu no banco e a duras penas conseguiu por as mãos no alto do muro e puxar o resto do corpo podendo por a cabeça acima do muro. Nesse exato momento ele foi acertado com uma forte porretada na cabeça e o coro dentro do hospício mudou: "Oito! Oito! Oito! ... Oito! Oito! Oito! ..."

sábado, 4 de outubro de 2008

Uma vírgula muda tudo

1. Vírgula pode ser uma pausa... ou não.
Não, espere.
Não espere.
2. Ela pode sumir com seu dinheiro.
23,4.
2,34.
3. Pode ser autoritária.
Aceito, obrigado.
Aceito obrigado.
4. Pode criar heróis.
Isso só, ele resolve.
Isso só ele resolve.
5. E vilões.
Esse, juiz, é corrupto.
Esse juiz é corrupto.
6. Ela pode ser a solução.
Vamos perder, nada foi resolvido.
Vamos perder nada, foi resolvido.
7. A vírgula muda uma opinião.
Não queremos saber.
Não, queremos saber.
PS: parece que trata-se de uma campanha da ABI (Associação Brasileira de Imprensa).

quarta-feira, 1 de outubro de 2008

Hora di ri um cadim!

Post para as meninas que acessam o blog...



Tá certo que a idéia do título e do post foi tirarada do Siriloko , mas a imagem foi tirada do Chongas...

Aproveitando que copiei a idéia, queria saber da chefe se ela deixa inaugurar algumas seções (é assim que se escreve?) deste estilo por aqui... :-)

terça-feira, 30 de setembro de 2008

Mais uma do Manuel

Estavam o Manuel e a Maria conversando e olhando para o teto, após o sexo, quando Maria diz:

- Manuel, por que você não dá uma pintada no teto?

Manuel imediatamente retruca:

- Por que não dá você uma b*cetada na porta?

Rapidinha

A mula falou pro mulo:
- Isso é o cúmulo!!!

Manoel náufrago

Manoel estava com a Maria num cruzeiro em alto mar, quando veio uma p*ta tempestade e afundou a embarcação, matando quase todos os tripulantes.
Só se salvaram o Manoel, a sua Maria e um brasileiro apelidado por "Ricardão". Ricardão nadava muito bem e conseguiu levar o casal de portugueses até uma ilhazinha próxima do local do naufrágio.
Lá chegando, Ricardão vendo aquela ilha completamente inabitada, logo pensou como ali ficaria sabe-se lá por que tempo, sem mulher. Então de imediato decidiu que iria ter de dar um jeito de comer logo a Maria, até porque ela era bem gostosa e parecia um pouco mal cuidada por Manoel.
Ricardão então subiu num coqueiro enorme, muito alto mesmo, dizendo ao Manoel e a Maria que iria tentar enxergar uma embarcação lá de cima, pra pedir socorro.
Lá do alto Ricardão olhava pro casal lá embaixo e gritava:
- Manoel, pára de f*der! Pô, eu aqui me esfolando todo pra tentar salvar a gente e tu aí embaixo só no bem bom com a Maria. Pô, Manoel, pára de f*der!
O Manoel e a Maria não entenderam nada, mas, durante as quase duas horas que o Ricardão ficou em cima do coqueiro, todo tempo ele gritou a mesma coisa:
- Manoel, pára de f*der!!!
Se dizendo cansado da altura e do esforço, Ricardão desce do coqueiro e sugere ao Manoel que lá suba.
- Vai lá agora tu, Manoel. Já descansaste e relaxaste bastante com a Maria. Vai lá tentar enxergar um navio que nos tire daqui.
E o Manoel prontamente começou a subir no coqueiro altíssimo. Nem bem no topo do coqueiro estava e o Ricardão já se atracara na Maria gostosa.
Quando o Manoel alcançou o topo da árvore, olhou lá pra baixo e viu o casal nú numa trepada fenomenal. Aí refletiu inteligentemente e concluiu:
- Ah, pois agora então está explicado! De cá do alto deste coqueiro se tem mesmo a nítida impressão de que lá embaixo se está mesmo a f*der!!!

 
© 2007 Template feito por Templates para Você